Logo
Araxá / MG - , -
Clarim no WhatsApp (34) 98893-8381
Menu
Mais de mil pessoas participam do Projeto Tri Ciclo
19/10/2012, às 08:03:25

 

Show de arrepiar a plateia. Foi assim a definido pelo público a apresentação de Veronica Sabino. O show musical da filha do escritor Fernando Sabino, um dos homenageados no “Bossa, Balanço, Balada”, lotou o Teatro Municipal de Araxá. Poesia de compositores ao som da voz envolvente da mineira.

“A escolha de um espetáculo a primeira coisa ser avaliada é se é espetáculo de rua e que tenha classificação livre, depois tem que ser de música instrumental erudita, dança, teatro e circo, a partir daí é feita uma pesquisa com todos os grupos do país que encaixam na proposta do TRI CICLO ESPETÁCULOS e com isso o curador do projeto, Rodrigo Robleño, entra em contato e concilia com a agenda do grupo”, relata Cynthia Verçosa, idealizadora do projeto TRI CICLO ESPETÁCULOS.

Diversão que garantiu aplausos na primeira atração musical do projeto que está em sua segunda edição em Araxá. O show contou ainda com os músicos Marcos Suzano e Marcelo Caldi.


Oficinas
A busca pelo aprendizado reuniu dezenas de pessoas no Teatro Municipal nas oficinas ‘Dança Regional’ e ‘Iniciação ao Teatro’ ministradas pelos integrantes do Rasgacêro. Teatro, música, e suas origens, como construir o personagem e usar de forma livre e sem usar muitas regras o próprio corpo, comunicar com ele. Isso foi ensinado e resultou num aprofundamento dessas duas modalidades, para quem participou, como Vitória Fernanda.

“A oficina é uma boa experiência pra mim, que pretendo continuar dançando, experimentar e aprender outros tipos de dança”, disse a jovem que é dançarina de hip hop.

O grupo cênico-musical de Poços de Caldas resgatou o início do samba e relatando como alguns elementos da cultura popular interferem no que vivemos hoje, anos depois. “A história de estilos de dança é importante para as pessoas saberem como surgiu determinado estilo, passo, como as cirandas, que são danças em roda, com passos marcados”, disse a atriz, bailarina, cantora e instrumentista do grupo, Amanda Tocchio.

Mambembebrasileiros
O grupo realizou na terça feira uma apresentação que integrou música, teatro de rua e técnicas de circo. Contando a história dos saltimbancos, que chegavam nas cidades alegrando a população num cortejo pelas ruas. Equilibristas, bonecos, músicos, bonecos, palhaços e equilibristas como os “MAMBEMBRASILEIROS”, contando a historia de um Brasil, que tem, como na peça, diversos personagens caricatos.               

A família de ‘artêros’ transformou parte do teatro municipal e de uma via pública num espaço diferente, alternativo. Foram horas montando o palco, que semelha a um circo, e essa família caminhou pelo país celebrando raízes brasileiras e homenageando os que fazem arte nas ruas. “O espetáculo foi incrível! Parabéns a todos os envolvidos”, disse a expectadora, Gisele Teodoro.

Próximo espetáculo
O palhaço Furreca vê o sonho de criança e o ganha pão ir por água abaixo depois de ser enganado pelo Mãogrande. Esse deslize fez com ele abandonasse o circo e demitisse todos os funcionários. E com isso é o fim do Gran Circo Romanowsky. A partir daí a história heróica começa e junto dela a luta contra o tempo, em busca de ter de volta o que perdeu.

Intrigas, apostas, desencontros, desilusões e tentativas de sabotagem permeiam a vida de Furreca e de seus colegas de circo. E com isso surgem muitas perguntas. Quem ajudará o palhaço herói a escapar dessa armadilha? Poderá o faminto leão Sansão finalmente almoçar em paz?

História
Sete anos de palhaçada. Eduardo Dias trabalha para o teatro e o circo criando espetáculos e ministrando aulas e oficinas em vários projetos sociais e escolas. E há onze anos criou a Cia. Losna que resultou num extenso trabalho, com os espetáculos "O Mordedor de Cotovelo", "Buffo Jazz", "Batata Quente", "Se tem barba, tem que casá". Em 2007 realizou a primeira turnê internacional, na Argentina no Festival Kruvikas, e no ano seguinte em Portugal representando a cidade de Ouro Preto no II Encontro de Culturas e V Mercado Cultural de Serpa, cidade mineira onde reside atualmente.

As conquistas não param por aí, A companhia recebeu o prêmio Especial no Festival de Ipitanga (BA), pela "pesquisa folclórica"; e o de "melhor espetáculo pelo Juri Popular", com "Fábulas Fabulosas"; e integra ainda a equipe do programa de Rádio "Estação Brincadeira", do CD "Fábulas Fabulosas" e "Arraiá da alegria".

 

 

 

 

 

 

Compartilhar no WhatsApp
Clarim
Radix Comunicação e Tecnologia